Todos os serviços de WebRTC GWs são iguais?

0
212

Você já ouviu falar em WebRTC Gateway? Trata-se de uma API que suporta aplicações para chamadas de voz, vídeo-chat e compartilhamento de arquivos P2P, sem plug-ins diretamente no browser.
Numa tradução livre do inglês, WebRTC significa Comunicação Web em tempo Real.
Numa maneira mais didática de dizer, é a engenharia de software por trás das videoconferências via web mais modernas que existem hoje no mercado.
Tecnicamente falando, a WebRTC é um código aberto para aperfeiçoar a utilização de mídias de vídeo e som, entre diferentes navegadores, sem a necessidade de instalar outros programas e plug-ins.
Apesar deste protocolo ainda estar em desenvolvimento, navegadores como Internet Explorer, Opera, Google Chrome e Mozilla Firefox já oferecem uma experiência bem interessante aos usuários. E os serviços de videoconferência web, como sabemos, facilitam a vida das empresas no quesito comunicação interna, com fornecedores e clientes. Cada vez mais equipes de vendas estão fazendo demonstrações de produtos e serviços e outros tipos de reuniões importantes via vídeo chat.

 

Afinal, WebRTC GWs são todos iguais?

Como todas as novidades tecnológicas, os serviços de WebRTC precisam ser bem analisados, bem como as necessidades da empresa que precisa de um serviço de comunicação em tempo real via internet. Cada tipo de infraestrutura de rede, cada negócio deve ser muito bem estudado antes de implantar esta tecnologia. Assim, comece entendendo que as implementações WebRTC podem ser classificadas de duas formas: fechadas ou abertas.

As fechadas são aquelas executadas dentro de uma rede interna, que pode usar qualquer tecnologia proprietária, ou seja, exclui preocupações com versões e não altera as interfaces com as quais os desenvolvedores e usuários interagem. Neste tipo de WebRTC, tanto o fornecedor quanto a empresa contratante conhecem a infraestrutura de TI, os tipos de máquinas e navegadores utilizados.

As abertas são aquelas em queo prestador do serviço não controla todos os componentes e, portanto, deve criar e manter protocolos padronizados. Neste tipo de WebRTC é como se fossemos ligar um usuário doméstico a partir do navegador para uma rede rede de voz de um provedor de serviços. Também é interessante saber que algumas implementações fechadas precisam estar ligadas a serviços externos. Assim como a maioria das abertas são frutos de um alinhamento entre os fornecedores e os componentes do servidor, de acordo com a realidade de infraestrutura dos usuários do serviço.

 

 

A NFS Professional Services é uma empresa brasileira com base em São Paulo e uma unidade na Cidade do México, sendo solidamente estruturada nos serviços de reparo, manutenção e re-manufatura em equipamentos de rede e conectividade. Entre em contato com a nossa equipe e descubra como podemos otimizar a comunicação de sua empresa!

 

Sua empresa já possui ou está pensando em implantar um WebRTC GW? Qual das abordagens você acha que mais se adapta às suas necessidades?

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA